Governo vai taxar seguro-desemprego para bancar programa

Taxa será de 7,5%

Taxa será de 7,5%
MTE/Divulgação

Para bancar o custo de programa para incentivar a contratação de jovens, o governo resolveu taxar em 7,5% os trabalhadores que recebem seguro-desemprego. Na prática, os desempregados vão bancar o prometido programa de Emprego Verde Amarelo.

Anunciado nesta segunda-feira (11), o plano prevê a geração de 1,8 milhão de postos de trabalho até o fim de 2022 para jovens entre 18 e 29 anos que ainda não tiveram nenhum emprego com carteira assinada. Os mais velhos, com mais de 55 anos, foram excluídos da proposta final. O teto da remuneração na nova modalidade será de 1,5 salário mínimo, ou R$ 1.497.

Segundo o secretário de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, o custo para reduzir os impostos às empresas que contratarem na modalidade Verde Amarelo será de R$ 10 bilhões ao longo de cinco anos. Para compensar a redução de encargos para as empresas, o governo resolveu cobrar imposto de 7,5% sobre o seguro-desemprego, pago a quem está sem trabalho formal. Nos cinco anos, a expectativa é de arrecadação de R$ 11 bilhões a R$ 12 bilhões.

“Os jovens de 18 a 29 anos têm o dobro da taxa desemprego e é por isso que foram escolhidos para serem beneficiados. Faremos a desoneração da folha nos próximos três anos, com responsabilidade, apontando as compensações dentro do orçamento” afirmou.

Hoje, quem recebe o seguro-desemprego não é taxado. O benefício, assegurado pela Constituição de 1988, tem como objetivo fornecer suporte financeiro ao trabalhador demitido sem justa causa no período em que ele busca recolocação no mercado.

O benefício é pago por um período que varia de três a cinco meses, de forma alternada ou contínua. O seguro desemprego tem, atualmente, um piso de R$ 998 e um teto equivalente a R$ 1735,29. Com a contribuição de 7,5% ao INSS, o desconto mínimo será de R$ 74,85 e o máximo chegará a R$ 130,15.

Já que o trabalhador terá de contribuir ao INSS sobre o valor do seguro-desemprego, a equipe econômica afirma que esse tempo passará a contar para o cálculo da aposentadoria. A cobrança do imposto sobre o seguro-desemprego passa a valer daqui a três meses, de acordo com a medida provisória apresentada pelo governo.

O programa Verde Amarelo tem data para acabar — o limite para contratar nessa modalidade é 31/12/2022. Como os contratos podem ter prazo de dois anos, o programa se extingue em 31/12/2024. Já a taxação sobre o seguro-desemprego não tem data para cessar.

Sindicalistas criticaram o programa e consideraram a proposta “absurda”. “Simplesmente um absurdo! Desonerar a empresa e passar a conta para o desempregado! Sem palavras!”, disse Sérgio Leite, primeiro-secretário da Força Sindical.

Exclusão

Marinho explicou que o governo teve de deixar as pessoas com mais de 55 anos fora do programa de emprego Verde Amarelo devido ao custo da proposta. “Quando fizemos os cálculos pela LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal), que exige uma compensação para cada renúncia fiscal, tivemos de fazer uma opção pelo grupo com maior desemprego”, disse.

As empresas poderão contratar até 20% dos funcionários na nova modalidade. Os funcionários receberão, mensalmente, o valor proporcional às férias e ao 13º salário. A redução de custo de mão de obra, para o empregador, ficará entre 30% e 34%. As empresas terão isenção de contribuição patronal do INSS (de 20% sobre os salários), das alíquotas do Sistema S e do salário educação. Além disso, a contribuição para o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) será de 2%, ante os 8% dos contratos normais de trabalho. O valor da multa do FGTS também cairá de 40% para 20%, desde que haja acordo entre empregado e empregador no momento da contratação.

Segundo o Ministério da Economia, as medidas previstas no Verde Amarelo são válidas somente para novas contratações e não permitem substituições na atual folha de empregados. Quem descumprir terá de pagar multa. Além disso, os contratos serão convertidos automaticamente para a modalidade normal, sem nenhuma isenção.

Brics: presença do presidente chinês no Brasil vai aprofundar parcerias

Encontro dos Brics acontece nesta quarta (13)

Encontro dos Brics acontece nesta quarta (13)
Reuters / Jason Lee / 4.5.2018

O presidente da China, Xi Jinping, estará no Brasil na quarta-feira (13) e depois (14) para participar da cúpula do Brics, bloco que reune o Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul. Segundo representantes do governo chinês, a viagem à América Latina vai “injetar novo ímpeto no desenvolvimento das relações sino-gregas e sino-europeias, bem como servirá para aprofundar a parceria entre os membros do Brics e melhorar a governança global”.

No Brasil, Xi Jinping manterá conversas bilaterais com outros líderes mundiais e assinará acordos de cooperação. A visita ocorre menos de um mês depois de o presidente Jair Bolsonaro visitar a China. A ideia é aprofundar o intercâmbio, a confiança política e ampliar a cooperação em diversas áreas.

Na visita de Bolsonaro à China foram assinados acordos e memorandos de entendimento nas áreas de política, ciência e tecnologia e educação, economia e comércio, energia e agricultura. “Temos na China o primeiro parceiro comercial e me interessa muito fortalecer esse comércio, bem como ampliar novos horizontes. Hoje podemos dizer que uma parte considerável do Brasil precisa da China e a China também precisa do Brasil”, afirmou o presidente durante a visita.

Em declaração conjunta, os dois presidentes expressaram a determinação de ampliar o comércio e diversificar o intercâmbio de produtos, bem como cooperar com as políticas de desenvolvimento e investimento, como o Programa de Parceria de Investimento (PPI), do Brasil, e a Iniciativa do Cinturão e da Rota, da China.

A China foi, em 2018, o maior parceiro comercial do Brasil. No ano, o fluxo de comércio entre os dois países alcançou a marca de US$ 98,9 bilhões. O país asiático também é um dos principais investidores em áreas cruciais, como infraestrutura e energia.

Entre os atos assinados estão protocolos sanitários para a exportação de carne termoprocessada (que passa por processo de cocção) e farelo de algodão do Brasil à China. Os dois países também passaram a reconhecer as certificações de Operador Econômico Autorizado (OEA) emitidas pelas autoridades aduaneiras.

Um memorando de entendimento assinado também prevê contatos institucionais mais regulares e diretos entre os ministérios das Relações Exteriores do Brasil e dos Negócios Estrangeiros da China. Na área de energia, os dois países estabeleceram cooperação para o desenvolvimento de energias novas e renováveis, bioenergia e para distribuição e eficiência energética. O acordo prevê ainda cooperação e coordenação com terceiros países e fóruns internacionais.

O Brasil e a China também pretendem expandir os canais de comunicação entre jovens cientistas e pesquisadores e aprofundar a colaboração científica e tecnológica entre os dois países. Os governos financiarão esses jovens, que concluíram doutorado em um período de cinco anos antes da apresentação de propostas. Já a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária e a Academia Chinesa de Ciências querem estabelecer um “laboratório virtual” Brasil‐China que desenvolverá pesquisas nas áreas de caracterização de germoplasma, edição de genoma e genética funcional na cultura da soja. Esse será o primeiro projeto de laboratório conjunto nas áreas de agricultura e recursos naturais.

“O mundo enfrenta hoje uma mudança sem precedentes nos últimos 100 anos. A ascensão de mercados de países emergentes é cada vez maior, assim como a disponibilidade para unir e cooperar. Além disso, a conversão de velhas e novas sinergias na economia mundial não está ainda completa, o protecionismo e o unilateralismo se intensificaram, e o ambiente externo para o desenvolvimento de mercados emergentes e países em desenvolvimento é cada vez mais complexo. É nesse contexto que mais países centram as atenções no bloco do Brics. O 11º encontro dos líderes do grupo discute o tema “Crescimento econômico para criar um futuro inovador”, informa o governo chinês em nota.

*Com informações de Andreia Verdelio, da Agência Brasil, e Ren Huanyu, da Agência de notícias da China

Governo libera R$ 16 bilhões para arcar com recursos bloqueados

Recursos bloqueados somam R$ 14 bilhões

Recursos bloqueados somam R$ 14 bilhões
Pixabay

O secretário de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, disse nesta terça-feira (12) que o governo liberou R$ 16 bilhões no Orçamento, valor que é suficiente para descontingenciar todos os recursos que estão bloqueados, que somam R$ 14 bilhões.

A liberação consta em relatório de receitas e despesas extemporâneo, publicado em edição extra do Diário Oficial da União desta terça.

A liberação foi feita após o leilão dos excedentes da cessão onerosa, que resultou em uma arrecadação de R$ 23,7 bilhões para a União. Segundo Rodrigues, a decisão sobre as despesas que serão efetivamente desbloqueadas será tomada na próxima semana.

Leia mais: Waldery diz que governo pode zerar bloqueios em 2019

No fim de outubro, o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, disse que parte dos valores hoje contingenciados se referem a despesas de capitalização de estatais, que não mais ocorrerão neste ano.

“Liberamos hoje [terça] espaço para descontingenciar tudo o que está contingenciado. Estamos em uma posição muito mais confortável para cumprir a meta primária do ano. Devemos ter déficit de R$ 80 bilhões neste ano [ante meta de R$ 139 bilhões]”, afirmou.

Para 2020, o secretário disse que o governo vai perseguir um resultado abaixo de R$ 80 bilhões, o que poderá ser alcançado com novos leilões de petróleo. Mas a meta oficial será mantida em R$ 124 bilhões, de acordo com o secretário.

Filho de Bolsonaro revela logo de partido que presidente quer criar


Reprodução

O deputado federal e filho do presidente Jair Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), divulgou nesta terça-feira (12) o logo do Aliança pelo Brasil, partido que Bolsonaro planeja fundar após deixar o PSL e se tornar o primeiro presidente no exercício do mandato sem legenda desde a redemocratização.

“Consolidando o novo rumo brasileiro e libertando definitivamente a pátria da destruição de valores cristãos e morais, anunciamos a criação do partido Aliança pelo Brasil”, escreveu Eduardo em uma das postagens que fez no Twitter sobre a nova legenda.

Leia mais: Bolsonaro quer usar smartphones para criar sigla em 4 meses

O deputado afirmou ainda que a sigla trará “solidez” nos princípios conservadores “em defesa dos valores familiares e cristãos, sem amarras da velha política”. Para ele, o momento é histórico.

“Você, cidadão comum que cansou de desmandos e de ver seu país destruído em todas as esferas, venha conosco”, disse Eduardo ao convocar os eleitores.

Para que a fundação do partido seja oficializada para as eleições municipais de 2020, o Aliança pelo Brasil vai precisar validar quase 500 mil assinaturas até março.

Governo dará R$ 2 bi a cidades com bom desempenho em saúde

Lançamento do programa Previne Brasil

Lançamento do programa Previne Brasil
Ministério da Saúde/Divulgação

O governo brasileiro vai distribuir R$ 2 bilhões a mais de recursos a partir do próximo ano para os municípios com bons indicadores em atenção primária, prestada por equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF), que cuida dos questão de saúde mais frequentes como diabetes, hipertensão, vacinação etc.

A medida faz parte do Programa Previne Brasil, lançado nesta terça-feira (12) pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

A expectativa do governo é aumentar a capacidade de atendimento das equipes, aumentando em cerca de 50 milhões de pessoas o número de atendidos. Atualmente, as 44 mil equipes do programa Estratégia Saúde da Família (ESF) cobrem 90 milhões de pessoas.

Com a verba adicional, os repasses para os municípios devem passar dos atuais R$ 18,3 bilhões para mais de R$ 20 bilhões. O antigo modelo era baseado apenas no tamanho da população local e na quantidade de equipes. Já o novo modelo vai focar nas metas de atendimento.

Leia mais: Sete em cada dez acreditam em alguma fake news sobre vacinação

O ministro Luiz Henrique Mandetta afirmou que o governo cruzou os dados do atendimento prestado pelo Saúde da Família com cadastro de outros programas, como o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC), e foi encontrado um grande contingente fora da lista.

“São mais de 40 milhões de pessoas esquecidas, as pessoas mais frágeis, que mais necessitam do cuidado de saúde da família e da atenção básica”, disse.

De acordo com o Ministério da Saúde, os recursos serão distribuídos com base em três critérios: o número de pessoas acompanhadas nos serviços de saúde, em especial as pessoas que recebem benefícios sociais, crianças e idosos; foco no tratamento de doenças crônicas como diabetes e redução de mortes de crianças e mães; e a adesão a programas estratégicos, como Saúde Bucal e Saúde na Hora, que ampliou o horário de atendimento.

O Previne Brasil é uma de seis estratégias do governo para melhorar a atenção primária. O Ministério da Saúde tenta paralelamente mudar o cadastramento dos usuários do SUS. A ideia é que a população seja atendida pelo CPF e não apenas pelo Cartão Nacional de Saúde (Cartão SUS). 

Indicadores

A busca por melhores resultados em saúde será feita a partir da avaliação de 21 indicadores. Para 2020, serão sete indicadores no âmbito da saúde da mulher, saúde das crianças, doenças crônicas e gestantes. Serão avaliados, por exemplo, número de consultas de pré-natal e vacinação. A cada quatro meses, a partir de setembro de 2020, as equipes serão avaliadas para mensuração dos valores de repasse aos municípios.

Corinthians x Internacional: ingressos à venda pela internet

Lance

Lance
Lance

O Corinthians iniciou a venda pela internet dos ingressos para o duelo do próximo domingo, contra o Internacional, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os sócios-torcedores do Timão já esgotaram os setores norte e sul, ambos atrás dos gols, e as entradas disponíveis custam de R$ 62 a R$ 180.

Os torcedores interessados em acompanhar o duelo na Arena Corinthians podem realizar a compra através do site (www.ingressoscorinthians.com.br). É necessário fazer um cadastro prévio antes de efetuar a compra. Os bilhetes disponíveis são para os setores leste e oeste – veja abaixo os valores.

Brigando por uma vaga na Copa Libertadores do ano que vem, o Corinthians tem uma decisão contra o Internacional no próximo domingo, às 18h. Ambos os times estão empatados no número de pontos (48), mas os gaúchos levam vantagem no critério de desempate. Por isso, uma vitória é considerada vital pelo Alvinegro. O Timão espera ter casa cheia para esta partida.

Confira os setores disponíveis na abertura da venda online para não-sócios:

Leste Superior Lateral: R$ 62
Leste Superior Central: R$ 74
Leste Inferior Lateral: R$ 82
Leste Inferior Central: R$ 90
Oeste Superior: R$ 100
Oeste Inferior: R$ 180

Em seis dias e 50 jogos se decidem as eliminatórias da Eurocopa/2020

A bola oficial da competição

A bola oficial da competição
Euro2020

Desta quinta-feira de agora, o dia 14 de Novembro, até a terça seguinte, dia 19, ocorrerão os últimos 50 prélios das eliminatórias da 16ª edição da Copa UEFA de Nações do Velho Continente. A competição se inaugurou em 21 de Março e ostenta 55 seleções, distribuídas por dez chaves, cinco de cinco equipes e as outras de seis, em desafios de turno e returno, de ida e volta, e oferece vinte vagas para a Eurocopa propriamente dita, de 12 de Junho até a final, em 12 de Julho de 2020, no templo sagrado de Wembley, Londres, Inglaterra. Completarão as 24 vagas mais quatro seleções, resultantes da repescagem de remanescentes da Nations League, disputa paralela que a UEFA organizou para mobilizar, nas “Datas Fifa”, em partidas oficiais, não aquelas de caça-níqueis, as suas afiliadas, as suas torcidas e, obviamente, por inevitáveis razões de grana, todos os seus influentes patrocinadores.

Portugal, o campeão da primeira Nations League da história

Portugal, o campeão da primeira Nations League da história
@NationLeague

Terminada em 9 de Junho, com a conquista de Portugal, além de prêmios correspondentes a R$ 320 milhões a NL, sempre desenvolvida a cada dois anos antes da Eurocopa, proporciona uma acumulação de mais pontos no ranking do Velho Continente e permite às seleções menos cotadas diversas chances suplementares de classificação. Além da introdução da NL, existe, nesta edição da Eurocopa, uma outra alteração. De história iniciada na França, em 1960, essa competição sempre se desenvolveu numa sede única, com três exceções: Bélgica & Holanda/2000, Áustria & Suíça/2008 e Polônia & Ucrânia/2012. Na celebração dos seus 60 anos da disputa, a UEFA decidiu honrar a Europa inteira. De 12 a 24 de Junho, as vinte seleções saídas das eliminatórias, mais as quatro da repescagem, por sorteio se distribuirão em seis chaves de quatro, através de doze cidades diferentes do Continente.

Os dez grupos das eliminatórias

Os dez grupos das eliminatórias
Reprodução

Eis as doze cidades:

A – Roma (Itália) e Baku (Azerbaidjão)
B – São Petersburgo (Rússia) e Copenhague (Dinamarca)
C – Amsterdam (Holanda) e  Bucareste (Romênia)
D – Londres (Inglaterra) e Glasgow (Escócia)
E – Bilbao (Espanha) e Dublin (Irlanda)
F – Munique (Alemanha) e Budapeste (Hungria)

Sobreviverão as duas melhores de cada grupo e as quatro terceiras de performance superior. Daí, entre 27 e 30 de Junho, os emparceiramentos de oitavas-de-final viajarão por Londres, Dublin, Glasgow, Amsterdam, Copenhague, Bilbao, Budapeste e Bucareste. As quartas, de 3 até 4 de Julho, passearão por Roma, Munique, São Petersburgo e Baku. Enfim, nos dias 7, 8 e 12 haverá as semis e a briga pelo título, em Wembley. Eis, depois de quatro rodadas, como estão as dez chaves das eliminatórias. Os números entre parênteses representam as colocações das seleções no ranking que resultou da Nations League. E o  “X”, de acordo com o posicionamento respectivo de cada divisão, significa, no mínimo, lugar já garantido na repescagem.

Inglaterra

Inglaterra
Reprodução

GRUPO A
Classificação
ENG – INGLATERRA (4X)
15pg – 5vit-0emp-1der (26gp/6gc)
CZE – REPÚBLICA TCHECA (20)
12pg – 4vit-0emp-2der (11gp/9gc)
KVX – KOSOVO (42X)
11pg – 3vit-2emp-1der (12gp/10gc)
BUL – BULGÁRIA (29)
3pg – 0vit-3emp-4der (5gp/17gc)
MNE – MONTENEGRO (35)
3pg – 0vit-3emp-4der (3gp/15gc)

Últimos jogos
Dia 14/11
ENG X MNE
CZE X KVX
Dia 17/11
KVX X ENG
BUL X CZE

Em 11 de Outubro, depois de se tornar a primeira equipe a suplantar a Inglaterra nas eliminatórias do continente, a República Tcheca, que já parecia descartada, voltou a se tornar candidatíssima a uma das duas vagas do Grupo A. Agora, mandante, lhe basta vencer Kosovo no dia 14. À Inglaterra, basta um empate diante de Montenegro, na mesma data, qualquer que seja o resultado do duelo dos tchecos contra os kosovares. Óbvio, lógico, a UEFA determinou que os dois jogos se iniciem precisamente no mesmo minuto.

Ucrânia

Ucrânia
Reprodução

GRUPO B
Classificação
UKR – UCRÂNIA (14X)
19pg – 6vit-1emp-0der (15gp/2gc)
POR – PORTUGAL (2X)
11pg – 3vit-2emp-1der (14gp/6gc)
SRB – SÉRVIA (27X)
10gp – 3vit-1emp-2der (12gp/13gc)
LUX – LUXEMBURGO (44)
4pg – 1vit-1emp-4der (5gp/11gc)
LTU – ITUÂNIA (39)
1pg – 0vit-1emp-6der (5gp/19gc)

Últimos jogos
Dia 14/11
SRB X LUX
POR X LTU
Dia 17/11
SRB X UKR
LUX X POR

Um problema razoavelmente solucionável para Portugal, ainda que seja dúvida o seu craque principal, Cristiano Ronaldo, acuado por um renitente incômodo de joelho. A Ucrânia já se assegurou. E, à seleção das “Cinco Quinas”, basta vencer a Lituânia e Luxemburgo, adversários que, convenhamos, não deveriam assustá-la. Além de derrotar a Ucrânia, a Sérvia sonha com o escorregão de Portugal. Sonha com mais que um milagre.

Alemanha

Alemanha
Reprodução

GRUPO C
Classificação
GER – ALEMANHA (11)
15pg – 5vit-0emp-1der (20gp/6gc)
NED – HOLANDA (3X)
15pg – 5vit-0emp-1der (19gp/7gc)
NIR – IRLANDA DO NORTE (23)
12pg – 4vit-0emp-2der (8gp/7gc)
BLR –BELARUS (43X)
4pg – 1vit-1emp-5der (4gp/12gc)
EST – ESTÔNIA (37)
1pg – 0vit-1emp-6der (2gp/21gc)

Últimos jogos
Dia 14/11
NIR X NED
GER X BLR
Dia 17/11
NED X EST
GER X NIR

Foi fatal, para a Irlanda do Norte, a sua queda em visita à Holanda no dia 10 de Outubro, numa virada estonteante da adversária. A “Laranja” perdia, 0 X 1, até os 80’. Mas, conquistou um triunfo dramático nos acréscimos. Agora, a Irlanda do Norte fantasia se vingar como mandante, no dia 14 de Novembro, e ainda superar a Alemanha, como viajante, dia 17. Uma tarefa além de intrincada para uma seleção que ficou entre as 16 melhores na Euro/2016 mas que, desta vez, necessita de um exército providencial de padroeiros.

Dinamarca

Dinamarca
Reprodução

GRUPO D
Classificação
DEN – DINAMARCA (15X)
12pg – 3vit-3emp-0der (16gp/5gc)
RIR – REPÚBLICA DA IRLANDA (24)
12pg – 3vit-3emp-1der (6gp/4gc)
SUI – SUÍÇA (1X)
11pg – 3vit-2emp-1der (12gp/5gc)
GEO – GEÓRGIA (40X)
8pg – 2vit-2emp-3der (7gp/10gc)
GIB – GIBRALTAR (49)
0pg – 0vit-0emp-6der (2gp/19gc)

Últimos jogos
Dia 15/11
SUI X GEO
DEN X GIB
Dia 18/11
RIR X DEN
GIB X SUI

Pelo aparente embolamento entre a primeira colocada, a Dinamarca, e a terceira, a Suíça, no meio a República da Irlanda, um grupo complicadérrimo. A tabela, todavia, na verdade, promete alívio aos helvéticos, que hospedarão a medíocre Geórgia e visitarão os jejunos de Gibraltar. Ou, os muito possíveis 17 pontos. No dia 15 de Novembro, a Dinamarca, em seus domínios, pegará Gibraltar e subirá, obviamente, aos 15. Então, no dia 18, no confronto direto com a Irlanda do Norte pela outra das vagas, lhe bastará a manutenção da igualdade inicial. Caso sucumba, porém, a equipe britânica se qualificará no quesito do confronto direto, graças ao placar da ida, 1 X 1 em Copenhague.

Croácia

Croácia
Reprodução

GRUPO E
Classificação
CRO – CROÁCIA (9)
14pg – 4vit-2emp-1der (14gp/6gc)
HUN – HUNGRIA (31)
12pg – 4vit-0emp-3der (8gp/9gc)
SVK – ESLOVÁQUIA (21)
10pg –3vit-1emp-2der (10gp/8gc)
WAL – GALES (19)
8pg – 2vit-2emp-2der (6gp/6gc)
AZE – AZERBAIDJÃO (46)
1pg – 0vit-1emp-5der (5gp/14gc)

Últimos jogos
Dia 16/11
CRO X SVK
AZE X WAL
Dia 19/11
WAL X HUN
SVK X AZE

Que ninguém se surpreenda com a eventual qualificação de Gales. No dia 16, mesmo em viagem, deve suplantar o precário time do Azerbaidjão e subir aos 11 pontos. Um empate em casa, na mesma data, diante da Eslováquia, propiciará a classificação da Croácia, sem eliminar a sua adversária, porém, Consequências: todas as emoções se exacerbarão depois, dia 19 quando Gales e a Eslováquia entrarão em campo com as chuteiras no gramado mas os ouvidos e os corações bem longe. Caso supere a Hungria, então, terá 14 pontos e também visará o seu passaporte. A Hungria, ao contrário, precisa bater Gales nos domínios do inimigo. A missão da Eslováquia é mais complexa. No caso de a Croácia se contentar com um empate, no dia 16, depois, no dia 19, precisará bater o Azerbaidjão, um fato, digamos, viável, e torcer pela igualdade no outro jogo. Ou, emoções à enésima potência.

Espanha

Espanha
Reprodução

GRUPO F
Classificação
ESP – ESPANHA (7)
20pg – 6vit-2emp-0der (19gp/5gc)
SWE – SUÉCIA (16X)
15pg – 4vit-3emp-1der (18gp/9gc)
ROU – ROMÊNIA (32)
14pg – 4vit-2emp-2der (17gp/8gc)
NOR – NORUEGA (26X)
11pg – 2vit-5emp-1der (13gp/10gc)
MLT – MALTA (54)
3pg – 1vit-0emp-7der (2gp/18gc)
FRO – FAR OER (50)
3pg – 1vit-0emp-7der (4gp/23gc)

Últimos jogos
Dia 15/11
ROU X SWE
NOR X FRO
ESP X MLT
Dia 18/11
SWE X FRO
MLT X NOR
ESP X ROU

Obviamente decepcionada pelo gol do empate que cedeu à Espanha, 1 X 1, em 15 de Outubro, o gol que qualificou a “Fúria”, a Suécia, agora, necessita suplantar a Romênia, em Bucareste, para sobreviver. E o empate talvez lhe seja suficiente, visto que subirá aos 16 pontos e, no dia 18, em casa, hospedará os semi-profissionais de Far Oer como a favorita mais do que absoluta. Caso perca, no entanto, a Romênia, com 17 pontos, abrirá uma vantagem de 2. Daí, buscará a igualdade salvadora contra a Espanha. Por fora ainda galopa a Noruega, que deve alcançar os 17 pontos, graças a vitórias sobre Far Oer e Malta. Dependerá, daí, de uma conjunção praticamente impossível de fatores. O empate entre Romênia e Suécia e as suas derrotas diante de Far Oer e da Espanha. Far Oer sobrepujar a Suécia, na Suécia? Ora, convenhamos, mas nem com atletas oriundos de uma outra galáxia.

Polônia

Polônia
Reprodução

GRUPO G
Classificação:
POL – POLÔNIA (11)
19pg – 6vit-1emp-1der (13gp/2gc)
AUT – ÁUSTRIA (18)
16pg – 5vit-1emp-2der (17gp/7gc)
SVN – ESLOVÊNIA (36)
11pg – 3vit-2emp-3der (13gp/8gc)
MKD – MACEDÔNIA DO NORTE (41X)
11pg – 3vit-2emp-3der (10gp/11gc)
ISR – ISRAEL (30)
11pg – 3vit-2emp-3der (15gp/15gc)
LVA – LETÔNIA (51)
0pg – 0vit-0emp-8der (2gp/27gc)

Últimos jogos
Dia 16/11
SVN X LVA
ISR X POL
AUT X MKD
Dia 19/11
POL X SVN
LVA X AUT
MKD X ISR

Já garantida a Polônia. À Áustria bastará um empate, no mínimo, em casa, no dia 16 de Novembro, com a Macedônia do Norte. Uma brincadeira.

Turquia

Turquia
Reprodução

GRUPO H
Classificação
TUR – TURQUIA (22)
19pg – 6vit-1emp-1der (16p/3gc)
FRA – FRANÇA (6)
19pg – 6vit-1emp-1der (21p/5gc)
ISL – ISLÂNDIA (12)
15pg – 5vit-0emp-3der (12gp/10gc)
ALB – ALBÂNIA (34)
12pg – 4vit-0emp-4der (14gp/10gc)
AND – ANDORRA (53)
3pg – 1vit-0emp-7der (1gp/16gc)
MDA – MOLDÁVIA (48)
3pg – 1vit-0emp-7der (2gp/22gc)

Últimos jogos
Dia 14/11
TUR X ISL
FRA X MDA
ALB X AND
Dia 17/11
MDA X ISL
AND X TUR
ALB X FRA

Cabe à Islândia o condão de decidir o futuro do Grupo e o seu próprio. Tudo ou nada contra a Turquia, dia 14, em Istambul. Um mero empate e praticamente se despedirá da sua chance de promoção. Verdade que os nórdicos pespegaram boas surpresas na Euro de 2018. Nos seus últimos 11 combates em casa, porém, a Turquia apenas perdeu uma única vez. Depois de desperdiçar a segurança da classificação, em Paris, dia 14 de Ourubro, diante dos otomanos, que lhe arrancaram o empate nos acréscimos, a França deve despachar a Moldávia sem problemas. Daí, no caso de uma igualdade em pontos entre os gauleses e os otomanos, valerá o quesito do confronto direto, com a primazia da Turquia, já a vencedora do combate de ida por 2 X 0.

Bélgica

Bélgica
Reprodução

GRUPO I
Classificação
BEL – BÉLGICA (5)
24pg – 8vit-0emp-0der (30gp/1gc)
RUS – RÚSSIA (17)
21pg – 7vit-0emp-1der (27gp/4gc)
CYP – CHIPRE (36)
10gp – 3vit-1emp-4der (13gp/12gc)
SCO – ESCÓCIA (25X)
9pg – 3vit-0emp-5der (11gp/17gc)
KAZ – CAZAQUISTÃO (47)
7gp – 2vit-1emp-5der (9gp/13gc)
SAR – SAN MARINO (55)
0gp – 0vit-0emp-8der (0gp/43gc)

Últimos jogos
Dia 16/11
CYP X SCO
SAR X KAZ
RUS X BEL
Dia 19/11
BEL X CYP
SAR X RUS
SCO X KAZ

A Bélgica e a Rússia abocanharam as vagas. O seu duelo, na Rússia, em 16 de Novembro, decidirá a liderança e algum privilégio no futuro sorteio. Porque ganhou na ida de 3 X 1 no dia 21 de Março, à Bélgica basta o empate

Itália

Itália
Reprodução

GRUPO J
Classificação
ITA – ITÁLIA (8)
24pg – 8vit-0emp-0der (25gp/3gc)
FIN – FINLÂNDIA (29X)
15pg – 5vit-0emp-3der (12gp/8gc)
BIH – BÓSNIA-HERZEGOVINA (13)
10pg – 3vit-1emp-4der (17gp/14gc)
ARM – ARMÊNIA (45)
10pg – 3vit-1emp-4der (13gp/15gc)
GRE – GRÉCIA (33)
8pg – 2vit-2emp-4der (9gp/13gc)
LIE – LIECHTENSTEIN (52)
2pg – 0vit-2emp-6der (2gp/25gc)

Mesmo com um elenco renovadíssimo, que não provoca os aplausos felizes dos seus “tifosi”, a Itália de Roberto Mancini chegou às rodadas derradeiras com inesperados 100% de aproveitamento. E, mesmo eliminada, a Grécia atrapalhou bastante os sonhos do elenco da Bósnia, que parecia destinada à segunda das vagas. A Finlândia, em quem pouquíssimos fanáticos apostavam, agora está a um triunfo da classificação, a sua primeira vez na Eurocopa de fato. Uma façanha então inédita que Áustria e Polônia realizaram em 2008, que a Ucrânia bisou em 2012 e que cinco equipes reprisariam em 2016: Albânia, Eslováquia, Gales, Irlanda do Norte e Islândia. Probabilíssimo o seu triunfo, em Helsinque, contra Liechtenstein, no dia 15. Talvez com mais gols de Teemu Pukki, que já anotou, até aqui, 7 dos 12 tentos do seu elenco. 58%.

Últimos jogos
Dia 15/11
FIN X LIE
ARM X GRE
BIH X ITA
Dia 18/11
LIE X BIH
ITA X ARM
GRE X FIN

Gostou? Clique em “Compartilhar”, em “Twittar”, ou deixe a sua opinião em “Comentários”. Muito obrigado. E um grande abraço!

Fã de ‘Robben’, Marinho brinca e diz que adversários viram o Barcelona contra o Santos

Lance

Lance
Lance

Com o clássico contra o São Paulo perto, Marinho brincou na coletiva desta segunda-feira e disse que os adversários contra o Santos se transformam no Barcelona. Isso porque o time da capital vem de duas derrotas e no sábado, às 17h, na Vila Belmiro, pela 33ª rodada do Brasileirão enfrentará o Peixe.

O atacante explicou que o Peixe não pode dar tropeçar após quatro jogos consecutivos vitoriosos. Vale lembrar que o time de Jorge Sampaoli está em terceiro na tabela, com 64 pontos, a 3 do Palmeiras e 13 do líder Flamengo.

– A gente sabe que São Paulo teve dois jogos em casa e não venceu. Todos querem jogar contra nós. Contra o Santos todo mundo joga. Não ganham de ninguém e contra o Santos viram o Barcelona. Temos que entrar concentrados, para fazer o resultado, sem dar bandeira para nenhum time crescer contra nós – disse

TABELA
> Veja a classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

O atacante também revelou que se inspira no ex-jogador Robben, aposentado. Os torcedores do Peixe brincaram nas redes sociais dizendo da semelhança do camisa 11 com o holandês.

– A gente vê essas brincadeiras, acho legal. Sempre sou fã do Robben. Gente falava que Marinho é o Robben, mas não, só me inspiro. Cortava para dentro, finalizava e ninguém marcava. Me inspiro, sim. Sou o Marinho. Robben é apenas uma pessoa que tento seguir. Minha comparação é naquela jogada que é parecida com a minha – afirmou.

Marinho tem seis gols pelo Santos em 24 jogos na temporada. Ele se firmou no time e está com 14 jogos sequenciais.

CS:GO: MIBR e Sharks estão juntas em grupo da ECS S8 Finals

Lance

Lance
Lance

Nesta terça-feira (12), os grupos da ECS S8 Finals foram definidos. No total serão oito equipes participando do torneio onde foram divididas em dois grupos. Sendo assim, os dois times mais bem colocados em seus respectivos grupos irão avançar para as semifinais da competição. Consequentemente, os dois piores serão eliminados.

As equipes brasileiras, MIBR e Sharks, estão juntas no grupo B.

O formato da fase de grupos será GSL, onde as primeiras partidas serão md1 (melhor de um) e todas as outras serão md3 (melhor de três). O mata-mata só será iniciado na semifinal e final. Além disso, ele será exclusivamente jogado em md3.

Veja abaixo os grupos e seus integrantes:

Grupo A
Evil Geniuses
Team Liquid
Ninjas in Pyjamas
AVANGAR

Grupo B
Astralis
Fnatic
MIBR
Sharks

Ademais, veja também as datas e horários dos primeiros confrontos das equipes brasileiras no torneio:

28 de novembro
15h00
Astralis X Sharks

16h30
MIBR X Fnatic

A ECS S8 Finals acontecerá entre os dias 28 de novembro e 1 de dezembro na cidade de Arlington, nos Estados Unidos. A premiação total do torneio é de US$ 500 mil.

LoL: Superliga ABCDE 2019 tem seus participantes revelados

Lance

Lance
Lance

Foram anunciados os participantes da Superliga ABCDE 2019 de League of Legends (LoL). Ao todo serão 12 equipes presentes no cenário competitivo na disputa pelo título que teve apenas a INTZ como campeã do torneio em suas duas edições.

Além disso, os times convidados são:

1 – INTZ
2 – Redemption POA
3 – ProGaming
4 – paiN Gaming
5 – Operation Kino
6 – Vivo Keyd
7 – Uppercut Esports
8 – Falkol
9 – KaBuM! Esports
10 – Bulldozer
11 – Team oNe
12 – Santos e-Sports

Apesar de as equipes terem sido anunciadas, as suas line-ups ainda são desconhecidas uma vez que a janela de transferências do Campeonato Brasileiro de LoL (CBLoL) ainda está aberta. Porém, sabe-se que a mesma se fecha no dia 9 de dezembro.

Até o momento, tudo indica que a Superliga ABCDE irá manter o formato do torneio das suas últimas edições. Ou seja, as 12 equipes serão divididas em dois grupos para definir quais serão as quatro equipes a avançarem para as semifinais.

A competição terá seu início no dia 15 de novembro, mas ainda não teve seu horário divulgado.

Você pode acompanhar a disputa no canal oficial da Superliga na Twitch.