Cariocas dominam trocas de técnico entre grandes no século! Relembre:

Mudar de treinador para resolver o problema dos times é algo muito comum no Brasil. Tanto é que muitos torcedores já até perderam as contas de quantos profissionais passaram pelo seu clube nos últimos anos. Será que você consegue recordar quantos deles passaram pelos times apenas neste século? O R7 te ajuda a lembrar…

O Flamengo está em primeiro lugar na lista. O Rubro-Negro trocou 42 vezes o comando do time no século 21, com a passagem de 27 treinadores diferentes. Última troca: Abel Braga por Jorge Jesus

O Vasco tem o caso semelhante ao do rival. Cruzmaltino trocou o comando da equipe 41 vezes, com 27 treinadores diferentes. Última troca: Vanderlei Luxemburgo por Abel Braga

O Fluminense mudou de técnico três vezes nos últimos meses e figura em terceiro lugar. O time trocou o comando 39 vezes, com 28 nomes diferentes. Última troca: Marcão por Odair Hellmann

O primeiro time fora do Rio de Janeiro como mais trocas é o Atlético-MG. O Galo trocou de treinador 36 vezes, com a passagem de 26 técnicos. Última troca: Vagner Mancini por Rafael Dudamel

Fechando o ‘top 5’, mais um time do Rio. O Botafogo mudou o comando da equipe 35 vezes, com 33 nomes distintos para assumir o time. Última troca: Alberto Valentim por Paulo Autuori

O Internacional aparece em sexto, com 34 trocas, sendo 26 treinadores diferentes. Última troca: Zé Ricardo por Eduardo Coudet

O Palmeiras é o primeiro time de São Paulo a aparecer na lista, em sétimo lugar. O Verdão trocou de comando 30 vezes, com 25 treinadores distintos. Última troca: Mano Menezes por Vanderlei Luxemburgo

O rival Corinthians aparece na oitava colocação. O Timão mudou 28 vezes de treinador, com a passagem de 21 treinadores. Última troca: Fábio Carille por Tiago Nunes

O São Paulo está empatado com o Corinthians no quesito, também com 28 trocas de comando século XXI. Porém, o clube teve a passagem de 23 treinadores diferentes. Última troca: Cuca por Fernando Diniz

Com uma média bem mais baixa que seu rival Atlético-MG, o Cruzeiro é mais um a ter 28 trocas de técnico no século. Assim como o São Paulo, passaram pelo clube mineiro 23 treinadores diferentes. Última troca: Abel Braga por Adílson Batista

O Santos está na 11ª posição. O Peixe optou por mudar o comando da equipe por 27 vezes, com 21 treinadores. Última troca: Jorge Sampaoli por Jesualdo Ferreira

Já o Grêmio é o clube grande do Brasil com menos alterações no comando técnico, aparecendo no 12º lugar. O Tricolor gaúcho mudou o comando 24 vezes, com 21 técnicos distintos. Última troca: Roger Machado por Renato Gaúcho

Deixe um comentário