Griezmann no Barcelona. Neymar nunca esteve tão inseguro

A maior intenção de Neymar foi deixar insuportável seu ambiente no PSG

A maior intenção de Neymar foi deixar insuportável seu ambiente no PSG
Divulgação

São Paulo, Brasil

Foi tudo articulado.

Pensado, calculado.

Sempre com uma lata do energético que o patrocina em tudo, ao alcance das fotos.

Se a torcida do Barcelona está eufórica com a contratração do francês campeão mundial Griezmann, ídolo do rival Atlético de Madrid, Neymar tinha de chamar a atenção dos catalães.

E ainda deixar claro o quanto não suporta mais vestir a camisa do PSG.

No evento de ontem, bancado pela Red Bull, na Praia Grande, ele tinha o controle total e absoluto. Brincou com jogadoras e jogadores.

De cabelo louro, chamou a atenção de toda a mídia nacional e internacional.

Mas sua assessoria avisou que não haveria contato com os jornalistas.

Não porque ela não teria como proibir perguntas sobre Najila Trindade, que o acusa de estupro e agressão.

Ainda a sua vontade deixar o PSG, clube que gastou a maior quantia já paga a um jogador de futebol na história, 222 milhões de euros, atuais R$ 934 milhões.

Ele aproveitou duas ‘entrevistas’ direcionadas, na qual tinha controle absoluto para mandar duas mensagens, de modo tosco, arrogante, provocativo.

Sem o menor constrangimento disse que o melhor momento que viveu nos vestiários foi no Barcelona. E derrotando que adversário? O PSG.

Sutileza paquidérmica.

“Nunca vivi nada igual.

“Foi espetacular.

“Estávamos todos loucos.”

Ele se referia a 14 de fevereiro de 2017, quando o time espanhol venceu o francês por 6 a 1, na Catalunha, depois de perder a primeira partida por 4 a 0, em Paris. E se classificou para a semifinal da Champions League.

A imprensa francesa percebeu que Neymar quis outra vez mostrar desprezo ao seu atual clube, à sua atual torcida.

A repercussão foi péssima para ele nas redes sociais de Paris. Passou a ser mais odiado do que já é. 

Para completar o dia, Neymar decidiu inverter o que mais se comentou na mídia brasileira.

A contratação de Griezmann trouxe toda a insegurança de Neymar à tona

A contratação de Griezmann trouxe toda a insegurança de Neymar à tona
PSG

Houve praticamente uma comemoração geral pelo fato de o Brasil vencer a Copa América sem sem principal jogador, o mais talentoso. Mas também o mais egocêntrico, o mais problemático.

“Isso (a vitória na Copa América) serviu para que muita gente cale a boca um pouco, fale menos e respeite mais todos os jogadores.”

Mas quem não respeita os companheiros é exatamente ele: exigindo para bater todos os pênaltis, as faltas, jogar com a camisa 10.

E que conseguiu um feito histórico.

Suas confusões sexuais com Najila foram as responsáveis que viaturas policiais, pela primeira vez na história, invadissem a concentração da Seleção em busca de um jogador.

Foi um alívio para o ambiente quando Neymar foi cortado, por ruptura de ligamentos no tornozelo direito, durante o amistoso com o Qatar.

O jogador tem 27 anos.

É pai de um menino que fará oito anos no mês que vem.

Não é um garoto.

Sabe muito bem o que faz.

E ontem quis agradar a torcida do Barcelona, clube que pretende voltar, mas segue rejeitado por grande parte da diretoria, torcida, imprensa catalã.

Seu jeito de agradar foi desmoralizar o atual clube, que lhe paga pontualmente, que se frustrou nas duas Champions League que teve o brasileiro, que permitiu que ele se tratasse na sua mansão de Mangaratiba das duas fraturas no quinto metatarso. 

E depois farreasse, logo após a recuperação.

Além disso, viu Neymar não se preocupar em aprender francês, mostrar apego, liderança positiva no PSG.

O jogador não se envolveu de verdade com o projeto do time francês e agora quer sair, mesmo tendo contrato até 2022.

E ainda escolher o clube onde quer jogar.

Quanto à mídia brasileira, sua intenção também é tosca. 

Agradar Tite e os companheiros.

Mostrar que sentiu orgulho da conquista.

Embora tenha preferido nem festejar com os companheiros.

Foi para sua balada particular, na noite mais feliz da Seleção nos últimos anos.

Ele está completamente inseguro.

Desde que o Barcelona comprou Griezmann.

Assim é o loiro Neymar.

O maior ídolo do futebol brasileiro…

Deixe um comentário